Tel: (21) 2547-8622      drveragarcia@gmail.com
BUSCA NO BLOG:

BLOG - Ritalina turbina a memória?

10Out2016

Atendo vários pacientes que estão fazendo provas em concursos públicos e têm a expectativa de melhorar a memória e a atenção durante os estudos com o uso do medicamento psicoestimulante Metilfenidato comercializado com os nomes de Ritalina e Concerta. Mas será que o uso dessa medicação realmente contribui para aumentar a performance cognitiva?

 

O metilfenidato pode ser bastante eficaz para aqueles indivíduos que sofrem do Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade, o TDAH, sendo a primeira escolha no tratamento. Ele age principalmente liberando dopamina nos terminais dopaminérgicos pré-sinápticos, contudo, para pessoas que não apresentam esse transtorno, os estudos mostram que não há qualquer benefício para  memória, atenção, planejamento ou execução de tarefas e pode ainda causar inquietação e agitação psicomotora. Por isso, é fundamental fazer uma avaliação psiquiátrica para esclarecer o diagnóstico e excluir outras causas de desatenção e dificuldade de memória, como a ansiedade, por exemplo.

 

Para indivíduos saudáveis que estão estudando para concurso e desejam ter um melhor aproveitamento, sempre recomendo uma rotina de disciplina, seguindo um cronograma bem definido das atividades diárias, incluindo as horas disponíveis para o estudo; alimentação saudável com predomínio de legumes e frutas, exclusão de bebidas alcóolicas dois dias antes das provas e diminuição do consumo, na maior parte do tempo;  6 a 8 horas de sono por noite; exercícios físicos regulares e meditação, que é uma poderosa ferramenta para aumentar a concentração. Além disso, nunca se desesperar com resultados negativos, a perseverança é um dos principais componentes para se conquistar a vitória.

www.veragarcia.com.br

@psiquiatriaecoaching